História

 

 

A CONFEITARIA PIEGEL foi inaugurada em 26 de Outubro de 1994 com o objetivo de produzir e comercializar bolos e doces para atendimento a festas e coquetéis.

Com o desenvolvimento dos negócios, identificou novo nicho de mercado, nascendo assim, o Café Colonial em 2004. Grandes investimentos foram feitos, permitindo a sua consolidação e presença no mercado.

A proprietária, Jeanne Piegel, faz parte da 4ª geração da família no ramo de fabricação de pães e doces. É filha de Augusto Piegel, que deu continuidade aos negócios de seu pai Eduardo Jacob Piegel, que por sua vez deu continuidade aos negócios do seu pai Eduardo Piegel. O início desse empreendimento foi por volta de 1915, fabricando artesanalmente biscoitos em sua residência.



Em 2007 a Confeitaria Piegel foi pioneira no lançamento do CAFÉ DANÇANTE, unindo as delícias do Café colonial com a magia da dança de salão num ambiente familiar e descontraído.



Hoje a empresa possui ambientes exclusivamente destinados a eventos variados, como aniversários, casamentos e confraternizações diversas.